Quais são os sintomas de rejeição de prótese de silicone?

  • Blog da mama
  • , Destaque
  • , Geral
  • , Saúde
rejeicao-protese-de-silicone

Muito se fala sobre rejeição do organismo à Prótese de Silicone e isso é um dos assuntos que preocupam muitas mulheres que desejam aumentar os seios e aquelas que já realizaram a cirurgia de mamoplastia.
Saber o que pode causar a rejeição e o que deve ser feito para preveni-la é fundamental para ter mais segurança e tranquilidade ao realizar o procedimento.
Nesse artigo vamos falar sobre os principais sintomas da rejeição de Prótese de Silicone, quais as causas e o que pode ser feito para solucionar esse problema. Leia e tire todas as suas dúvidas!

Sintomas de rejeição da Prótese de Silicone

 

Quando o silicone é colocado no corpo é comum o organismo criar uma película ao redor da prótese, formando uma cápsula para separá-la do restante dos tecidos.

A rejeição da Prótese de Silicone acontece quando um processo inflamatório ao redor do silicone, chamada de contratura capsular, começa a se formar em maior grau, causando o encapsulamento ou rejeição dessa prótese.

Os sintomas que demonstram a rejeição da Prótese de Silicone, além do paciente relatar que a sua prótese parece estar se contraindo dentro do corpo, são:

  • Fortes dores e inchaço nas mamas
  • Enrijecimento da região
  • Ondulações na superfície da mama onde foi implantada a prótese
  • Assimetria dos seios diferente

É importante estar atento aos sinais e procurar o médico quando sentir qualquer incômodo nas mamas e, principalmente, notar que o formato está diferente.

Algumas vezes os sintomas podem não ser tão evidentes e o diagnóstico é feito, principalmente, por meio de exames de imagem. Por esse motivo a realização de exames de rotina são importantes para detectar qualquer problema que possa aparecer.

 

Principais causas de rejeição

A rejeição da Prótese de Silicone é uma reação do próprio organismo, mas ela está mais propensa a acontecer quando o paciente não segue as recomendações do pós-operatório de maneira correta.

Quando o paciente não segue as recomendações de pré e pós cirúrgico, as chances da prótese ser rejeitada aumentam, por isso alguns cuidados importantes devem ser observados para diminuir o risco de rejeição:

  •  Avaliar se o tamanho do silicone é o ideal para o corpo do paciente
  • Escolher um cirurgião plástico de confiança
  • Tomar os medicamentos prescritos pelo médico
  • Utilizar o sutiã cirúrgico pelo tempo determinado pelo cirurgião
  • Fazer o repouso indicado pelo cirurgião
  • Interromper o uso de cigarro e a ingestão de bebidas alcoólicas pelo período indicado pelo médico antes e depois da cirurgia
  • Realizar sessões de drenagem linfática pós operatórias

Qual a solução para a rejeição da Prótese de Silicone?

Apesar de ser algo normal em um implante de silicone, quando a contratura capsular ocorre em um grau mais elevado, pode requerer medidas mais incisivas como a retirada e substituição da Prótese de Silicone.

Assim que a rejeição é detectada, o tratamento pode incluir o uso de medicamentos à base de corticoide e drenagens linfáticas para diminuir o desconforto na região mamária.

Porém, quando a contratura capsular compromete os resultados esperados, principalmente esteticamente, uma nova cirurgia para a substituição da prótese é necessária.

Sendo assim, o grau de comprometimento da contratura capsular deve ser avaliado com cuidado pelo cirurgião para que possa ser indicado o tratamento adequado, visando o cuidado e bem-estar do paciente.

 

4

Se gostou dessa postagem, clique no coração!

Colunista

Dra. June Favarin
Cirurgia Plástica
Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Mestre em Cirurgia Plástica pela EPM-Unifesp. Pós-graduação no Hospital Albert Einstein

Siga-me

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Notícias relacionadas

6

min de leitura

4

min de leitura

5

min de leitura

Agende seu horário

whatsapp-icon